Blogroll

Blogger news

Blogger templates

Blogger templates

Tecnologia do Blogger.

Nav2 (Do not Edit Here)

Nav1 (Do not Edit Here)

Slider(Do Not Edit Here!)

FATE/STAY NIGHT e FATE/ZERO


Saber, Emiya Shirou, Tohsaka Rin e Archer....

Hoje trago aqui para o Infinita, acredito que pela primeira vez, a franquia FATE.

Já adianto aqui no início que não abordarei light novels, mangás, spin offs, filmes, games, OVAs e afins... A franquia tem muita, MUITA, eu disse MUITA coisa e tenho certeza que não vou falar nem 15% de tudo que tem... Vou falar do que eu vi e vejo que são os animes principais (sim, o mais mainstream mesmo, embora eu não descarte a possibilidade de depois explorar os outros conteúdos, já até comecei aos poucos...) e também mencionar brevemente a visual novel, pois ela é a origem de toda a franquia e com certeza não deve ser ignorada quando se fala de Fate.



FATE/STAY NIGHT (VN) (2004)
Fate/Stay Night é originalmente uma Visual Novel (VN), ou seja, um jogo focado em contar uma história (foco no enredo), com música, textos e imagens. O jogador tem escolhas durante o enredo e isso vai mudando totalmente o desenrolar da história, possibilitando diversos finais,
por isso que de acordo com as escolhas, o jogador pode entrar em um caminho diferente (conhecido como rota).
Fate/Stay Night possui 3 rotas principais: Rota Fate (conhecida como a Rota da Saber), Rota Unlimited Blade Works (Rota da Rin) e Rota Heaven's Feel (Rota da Sakura).
Bom, a VN tem como gêneros: Ação, Drama, Comédia romântica, Fantasia e Sobrenatural. Além disso, é válido destacar que também pode ser considerado Eroge, Fan Service, Shonen, ou seja, também possui algum certo tipo de conteúdo erótico voltado para um público masculino.
Como eu já havia dito, o foco do post não é falar das VNs e afins, mas é fundamental citar a origem principal da franquia Fate.
A Visual Novel foi escrita por Kinoko Nasu, lançada em 2004 no Japão pela Type-Moon que é a possuidora dos direitos de toda a franquia.

(Fanart) Respectivamente: RIN, SABER e SAKURA 


A Guerra do Cálice Sagrado

O Cálice Sagrado é o Santo Graal das lendas, um cálice divino que poderia realizar o desejo de quem o possuísse. Apesar de uma lenda, na realidade ele foi muito buscado e desejado por muitas personalidade do passado (talvez até do presente).
O Santo Graal é o ponto principal da história que envolve o mundo de Fate/Stay Night. No enredo, o Santo Graal é onipotente e criou a Guerra do Cálice Sagrado, uma guerra onde disputam 7 mestres e 7 servos até sobrarem apenas 1 mestre e 1 servo para por as mãos no cobiçado Cálice.
Mestres são seres humanos do presente que possuem poder mágico, conhecidos como magos.
Servos são personalidades da história, geralmente heróis míticos e lendários, que são invocados do passado, presente ou futuro pelo poder do Santo Graal. Eles são invocados para lutar e ter a chance de conquistar o Graal e conseguir seu desejo realizado.


EMIYA SHIROU



O personagem principal.

Shirou teve sua vila natal destruída por um incêndio e perdeu todos os familiares e conhecidos. Foi o único sobrevivente do incêndio e foi resgatado por Kiritusgu que cuidou dele como um filho. Kiritsugu era um mago, mas Shirou não era seu filho biológico, então não herdou talento natural para magia, mas com treinamento ele descobriu que possuía uma única facilidade para um certo tipo de magia diferente do convencional, Shirou é capaz de compreender a composição de um material que toque e, com isso, repará-lo ou fortalece-lo, mas tudo de uma forma simples e básica, embora com isso ele consiga consertar aparelhos eletrônicos e similares mais facilmente para ajudar as pessoas. Inclusive, ajudar as pessoas é seu maior sonho. Por causa do seu passado, Shirou ficou traumatizado e se sentindo obrigado a fazer algo para ajudar as pessoas, pois sendo o único sobrevivente, sentiu que tinha de haver um propósito e por isso seu maior sonho é ser um "Protetor da Justiça" para ajudar muitas pessoas.

Shirou acaba, sem querer, se envolvendo com a Guerra do Cálice Sagrado e se vê obrigado a lutar. Mesmo assim ele mantém seus ideais sonhadores e utópicos de evitar danos e mortes, além de querer proteger as pessoas inclusive com sua própria vida. Esses ideais são ridicularizados por outros personagens que são mais realistas, mas esses ideais conflitam principalmente com Archer que não se conforma com a "tolice" de Shirou e seus ideias.


SABER


Saber tem muita importância para a história, pois se torna a Serva de Emiya Shirou. Saber é muito adorada pelos fãs, sua personalidade é agradável, ela não é do tipo simpática e comunicativa, pois ela foi criada como uma guerreira, mas ela é muito educada, honrada e uma pessoa do bem. Seu objetivo é conseguir o Santo Graal para que conceda seu desejo de voltar ao seu tempo no passado e tomar uma atitude diferente para que seu povo seja salvo, pois para ela, as pessoas tiveram sofrimento por sua culpa, pela culpa de sua derrota.
Como Saber foi criada como uma guerreira e não como uma princesa, muitos momentos ela acaba, sem querer, demonstrando sua vergonha por muitas vezes não saber agir ou pensar como uma moça e até mesmo vergonha de seu corpo, devido a possuir músculos.
Com todos esses pontos, Saber conquistou o coração dos fãs de Fate e inclusive de alguns personagens da história.

ANIMES


FATE/STAY NIGHT (2006)

O primeiro anime da franquia. Muitos que conhecem a história original, de certa forma abominam este anime, mas eu não coloco dessa forma. Há muitas críticas para mudanças e adaptações no enredo e também para falhas na qualidade de visual.
Embora, sinceramente, seja uma particular opinião, eu suponho que podem ter havidos motivos financeiros e talvez até estratégicos. Às vezes começar, mesmo que seja com algo com qualidade inferior do que o esperado e com adaptações, é interessante, pois com o lançamento de um anime a franquia ganhou maior visibilidade e popularidade. Consequentemente, hoje possui maior sucesso e está lançando animes de melhor qualidade e fiéis ao enredo da VN.

Nesse anime foi tratada a rota da Saber (rota Fate).


FATE/ZERO (2011-2012)

O segundo anime da franquia. Foi originado de uma Light Novel (LN) que explica os fatos antecedentes à história de Fate/Stay Night, ou seja, narra a história da Guerra do Cálice Sagrado de 10 anos antes.
O anime foi produzido pela Ufotable e ganhou uma qualidade espetacular. Fizeram um trabalho incrível, elevando ainda mais o nome da franquia.
Muitas revelações são trazidas à tona nessa história, entregando respostas para muitas perguntas que eram feitas e explicações para fatos não compreendidos. Alguns personagens já são conhecidos, pois já foram vistos em Fate/Stay Nights e alguns são totalmente novoqs.
Os personagens são incríveis, cada um de sua forma. A história e o desenrolar dos fatos são de prender a atenção.
O início pode parecer um pouco confuso, pois muitos personagens são apresentados, mas não se assuste, não demora para tudo ser compreendido e você se acostumar com todos os personagens.
Particularmente eu AMEI a questão do "realismo" de como as coisas são tratadas. Não aquelas "aliviadas" para não chocar, nem nada disso, tanto em cenas quanto em conversas e pensamentos. Não é um anime para criança e sua faixa etária de 18 anos comprova isso.
Adorei muita coisa no anime, mas preciso destacar Kiritsugu e seus pensamentos e atitudes. "Os fins justificam os meios" é realmente a ótima frase para descrever esse personagem.

FATE/STAY NIGHT - UNLIMITED BLADE WORKS (2014-2015)

O terceiro anime da franquia. Segue a segunda rota da VN, ou seja a rota Unlimited Blade Workds (Rota Rin, portanto há muito mais foco em Rin Tohsaka). Portando os primeiros episódios são muitíssimos semelhantes com o primeiro anime. Mas não se engane, as grandes semelhanças param nos primeiros episódios, pois a partir de certo ponto, tudo muda e todo o restante, pois se adentra na Rota Rin.
Como tudo se desenrola de uma forma diferente, muitas coisas que você viu acontecendo na Rota Fate não acontece, isso pode significar ações dos personagens, resultados de batalhas, decisões de estratégia, etc. E isso muda tudo.
O anime também foi produzido pela Ufotable e manteve a qualidade sensacional no visual, nas batalhas, nos efeitos e os fãs que jogaram a VN confirmam que esse anime é muito mais fiel à história, sendo uma melhor adaptação em comparação ao primeiro que apresentou falhas.
Vale destaque também para as aberturas e encerramentos que são sensacionais, tanto nesse anime quanto em Fate/Zero. 




GALERA! Como eu disse no início, há MUITA coisa sobre Fate que daria para ser falado, mas tentei abordar a história principal e os animes.

Espero que tenham gostado, vale muito a pena dar uma chance para conferir essa franquia.
Se tá na dúvida de por onde começar, apesar de ser relativo, minha dica pessoal é pela ordem de lançamento.
Ou seja, veja: Fate/Stay Night (2006) > Fate/Zero (2011-2012) > Fate/Stay Night [Unlimited Blade Works] (2014-2015).
Mas você também pode conferir a Visual Novel que deu origem a tudo isso e, claro, conferir todos os outros conteúdos (filmes, jogos, leituras, etc).

Também espero escrever outros posts para poder falar mais dessa fraquia que tem muita coisa para se falar.

Abraços Infinitos e até a próxima!!


Compartilhar no Google+
    Deixe seu Comentário
    Comentários Blogger

0 comentarios:

Postar um comentário