Blogroll

Blogger news

Blogger templates

Blogger templates

Tecnologia do Blogger.

Nav2 (Do not Edit Here)

Nav1 (Do not Edit Here)

Slider(Do Not Edit Here!)

Desenhos Animados que marcaram nossa Infância


BRUNNO: Oooolá, Infiniteiros! Temos aqui hoje mais um dos nossos posts em parceria interna, ou seja, dois autores infinita dividindo suas ideias no mesmo post e criando algo cooperativo!

Tive a ideia de compartilhar com o Nich aqui do blog um post para falarmos de desenhos que marcaram nossa infância/pré-adolescência. Ele adorou a ideia e até dividimos em duas partes, os “desenhos animados” e os “animes (desenhos japoneses)”!
Hoje falaremos dos desenhos animados e cada um de nós falará 3 desenhos que nos marcaram bem lá no fundinho do peito. Hahaha! Diz aí Nich!!

NICH: Com certeza, Brunno! E fala galera, tudo certo?
Fui cordialmente convidado para escrever sobre alguns desenhos que marcaram minha infancia/pré-adolescencia e fiquei muito feliz em poder compartilhar isto!
Foi difícil escolher apenas três em meio há muitos que eu acompanhava, mas vamos ao que interessa...
BRUNNO: Vamos lá! Se me permite, “farei as honras” ;D

O FANTÁSTICO MUNDO DE BOB
Imagem: midiatotal.net
BRUNNO: O Fantástico Mundo de Bob! Esse desenho me marcou bastante por um fato específico. Busquei refinar minha lista para chegar em 3 que tivessem diferenciais especiais para estarem aqui! Bem, o fato é que eu era (e talvez ainda seja!! Hahaha) muito parecido com o menino Bob, protagonista desse desenho! Por quê? Porque Bob é um menino de imaginação muito fértil (no bom sentido, espertinhos, Bob tem 4 anos! Haha) e tinha diversas percepções infantis e fantasiosas da realidade, do que vivenciava, criando um mundo totalmente imaginário diante daquilo (por isso o nome: O Fantástico Mundo de Bob).
O desenho foi exibido originalmente (Estados Unidos) na Fox Kids. No Brasil, no SBT, Cartoon Network e Fox Kids, mas me lembro de assisti-lo no SBT nas famosas (e EXTINTAS para as crianças de hoje... infelizmente... #oremos) “manhãs de desenho”!

Os personagens são: Bob, seu pai Howard, sua mãe Martha, seus dois irmãos Derek e Kelly, seu tio Ted, sua tia Ruth e seu cão Roger.
Algo muito legal do desenho era que ao final dos episódios, havia uma lição dada por um personagem humano (Howie Mendel, que é o próprio criador do desenho) para Bob e, claro, para quem assistia o desenho.


DOUG
NICH: Foi o primeiro Nicktoon (produzido e exibido pela Nickelodeon) e, assim como o Brunno se indentifica com o Bob, eu me identifico muito com o Doug, mais ou menos pelos mesmos motivos (imaginação fértil).
Originado de um livro nunca publicado, Doug Got a New Pair of Shoes, do artista e criador da série Jim Jinkins (mesmo criador de Pink Dink Doo)  e do escritor Joe Aron.
Doug estreou no Nickelodeon em 1991, ficando no ar até 1994. No Brasil, essa fase inicial foi exibido na TV Cultura e SBT, posteriormente na Band, dentro do programa PicNick Band. Em 1996, a Disney produziu novos episódios, dando continuidade aos produzidos pela Jumbo Pictures. Foram exibidos nos Estados Unidos no canal ABC de 1996 até 1999. Essa segunda fase foi exibida no Brasil pelo Disney Channel e pelo SBT e também foi exibido na Rede Manchete através do Clube da Criança.
Imagem: meioorc.com
A história acontece na cidade fictícia de Bluffington, para onde Doug e sua família se mudaram, saindo de Bloatsburg. A animação mostra a vida e as imaginações do personagem título, um estudante chamado Douglas Yancey Funnie. Ao lado de Doug, outros personagens principais são seu cachorro Costelinha, seus amigos, Skeeter Valentine e Patti Mayonnaise, e seu inimigo, Roger Klotz, o valentão da escola. A maioria dos episódios começa com Doug escrevendo no seu diário os fatos mais recentes de sua vida, e o episódio exibido acaba por ser um flashback de Doug, que narra os eventos.
A irmã mais velha de Doug, Judy, é uma fonte constante de conflito. Ela é uma atriz dramática que sempre usa roupa roxa e óculos escuros, até mesmo dentro de casa. A existência de Doug é praticamente ignorada por ela, já que os interesses dele são infantis, aos olhos dela.
Alguns episódios mostram a versão super-herói de Doug, o Homem Codorna. Doug se imagina como o Homem Codorna, imaginando versões ao estilo quadrinhos dos fatos que vão acontecendo. O Homem Codorna usa um cinto ao redor da cabeça e uma cueca por cima da calça. Skeeter também possui um personagem no estilo, o Mosquito Prateado.
A imaginação de Doug reage a várias situações de sua vida, o ajudando a superar seus medos. Em um episódio, temendo uma visita ao dentista, ele imagina ser um agente secreto ao estilo James Bond, fazendo menção à cena do laser em Goldfinger.
Atualmente, a “fase Nickelodeon” é exibida de segunda a sexta as 14:00 na TV Cultura.

PERNALONGA (LOONEY TUNES)
BRUNNO: Mais um dos desenhos importantes de minhas memórias! Eu sempre adorei desenhar e sempre quis ser desenhista. Hoje, teoricamente posso dizer que sou, pois sou técnico Desenhista da Construção Civil, mas ainda não pude realizar o sonho de ilustrar desenhos animados e coisas do tipo, quem sabe um dia? De qualquer forma, segundo minha mãe, meu primeiro desenho de um personagem de verdade foi o PERNALONGA! :D
Eu adorava ele! Até ficava imitando! Lembro que eu pedia cenoura crua pra minha mãe (ela descascava, ok?! Haha) e eu ficava imitando o coelhinho e falando a sua frase “O quê que há, velhinho?”. Hahahaha... memorável!
Bem, o Pernalonga (nome original: Bugs Bunny) é um coelho esperto e... digamos que... Troll !
Ele sempre “trollava” vários outros personagens, aprontando poucas e boas... Bem ao estilo Pica-Pau, por exemplo. O Pernalonga é um personagem esperto e adorava se fazer de bobo quando já tinha aprontado algo, e assim como o Pica-Pau, ele QUASE sempre se saia bem. Mas como nem todo mundo é perfeito, em alguns episódios ele até que se dava mal, apesar de serem bem poucos os episódios que isso aconteceu!
O Pernalonga é o principal personagem de um elenco de personagens da série Looney Tunes, com vários personagens como Gaguinho, Taz Mania, Hortelino Troca-Letras, Marvin o Marciano, Frangolino, Piu-Piu e Frajola, Coiote e Papa-léguas, entre outros, mas com certeza o segundo mais importante é o “parceiro” do Pernalonga, o Patolino (nome original: Daffy Duck)! E apesar de “parceiros”, o Patolino sempre se dava mal com o Pernalonga, querendo sempre passar a perna no coelho, mas acabando, geralmente, sendo pego pela própria armadilha!

Segundo o livro Bugs Bunny: 50 Years and Only One Grey Hare, Pernalonga foi criado em 1940 no Brookly, Nova York por Tex Avery. Somente na Era de Ouro da Animação, o coelho estrelou 163 curtas, além de pontas em outros desenhos e aparições em filmes. Ele é, atualmente, o principal mascote da Warner Brothers, principalmente na parte de animação.
Um dos personagens mais famosos do mundo (olha, que orgulho!), inclusive, em 2002 foi escolhido pela revista TV Guide como maior personagens de desenho animado de todos os tempos! Que coisa linda :D


Hey Arnold
NICH: Um dos grandes clássicos da Nickelodeon e teve enorme repercussão nos anos 2000, principalmente no Brasil. Esse desenho marcou muito pelo fato de mostrar situações cotidianas onde qualquer um que assistia poderia se encaixar perfeitamente com algum personagem e, o mais legal, era comparar os amigos com os amigos do Arnold!
Foi ao ar originalmente de 07 de outubro de 1996 até 08 de junho de 2004 totalizando 100 episódios. Hey Arnold recebeu muitas avaliações positivas da crítica, com muitos elogiando o programa por seu desenvolvimento de caráter e da qualidade de sua animação. Em 2002 foi lançado um filme baseado na série chamado Hey Arnold: O Filme.
Imagem: images.classicalite.com
O desenho mostra Arnold, um garoto da quarta série que vive com seus avós paternos em uma pensão. Em cada episódio, Arnold costuma ajudar um colega de classe a resolver algum problema pessoal, ou encontra um próprio problema para resolver. O desenho também se foca em Helga G. Pataki, colega de Arnold que costuma o tratar de forma agressiva. Um tema recorrente no desenho é o fato de Helga fingir não gostar de Arnold para poder esconder o fato de amá-lo secretamente. O desenho possui diversos personagens, e praticamente cada um deles é focado em algum episódio, dando a animação várias dimensões, sejam estas do lugar em que vivem, de seus relacionamentos, etc. Muitos episódios envolvem lendas urbanas, que costumam ser contadas por Gerald, melhor amigo de Arnold.


A VACA E O FRANGO (CARTOON CARTOONS)
Imagem: geminifire89.deviantart.com
BRUNNO: O canal fechado de desenho que eu mais assistia era o Cartoon Network e eu assistia todos os desenhos conhecidos como “Cartoon Cartoons”: A Vaca e o Frango, O Laboratório de Dexter, Jhonny Bravo, As Meninas Super Poderosas, Du, Dudu e Edu, Eu Sou o Máximo...
Eu não podia deixar de colocar um deles aqui e confesso que foi difícil escolher, fiquei entre os três primeiros que citei anteriormente, mas acabei escolhendo A Vaca e o Frango, pois estou escolhendo desenhos com alguma ligação real da minha infância. Bom, a ligação é que, eu tinha um Melhor Amigo de Infância e sempre andávamos juntos, eu sempre fui o menorzinho e magrinho e ele o maiorzinho e gordinho. Bom, a comparação seria melhor com o seriado da Nick, “Drake & Josh” (que era ótimo, por sinal! Diz aí Vick *-*), mas foi o melhor que consegui para desenhos animados! Haha! Eu sei, a Vaca é “menina”, mas estou falando no sentido da estatura, peso... ah! Vocês entenderam! Haha

Bom, a Vaca e o Frango são irmãos! Quê?! SIM! É bem bizarro! E eles têm pais seres humanos! Isso! Isso mesmo! Bom, é como se eles fossem “adotados”, sei lá! Por falar nos pais deles, era bem engraçado quando apareciam, pois não aparecia a parte de cima dos seus corpos!
E eu achava que era um daqueles mistérios de desenhos da infância! Assim como o rosto nunca mostrado da Senhorita Belo, secretária do Prefeito de Townsville das Meninas Super Poderosas. OK, OK! Em um episódio especial para os 10 anos das Meninas Super Poderosas foi mostrado por alguns segundos o rosto dela, mas isso acabou com a magia ¬¬
E... bem, já apareceu a parte de cima dos pais deles! Mas isso eu deixo pra você pesquisar, se ficar interessado! Pois é bem “WTF” hahah!

A Vaca era animada, feliz, fofa, sonhadora, inteligente (nas notas escolares), mas muitas vezes se atrapalhava ou atrapalhava algo por ser grandona e desengonçada e às vezes meio burrinha para as “coisas da vida”.
O Frango era “rabugento”, reclamão, racional, esperto, mas não era inteligente na escola,  adorava zombar da sua irmã e xingá-la quando ela, sem querer, atrapalhava algo dele, mesmo ela pedindo mil desculpas.
Tinha os amigos do Frango, Flem e Earl. Tinha o Frango Desossado, como o nome diz, um frango sem ossos, primo da Vaca e do Frango e que ficava sempre estirado no chão! O Bundefora, um diabinho vermelho que andava sempre com o traseiro de fora que era o inimigo da Vaca e do Frango, querendo levá-los para o inferno, assim que se lembrasse o caminho de volta! Haha! Esse desenho era bem non-sense, como já deu pra perceber, mas tinham episódios que se superavam... Eu tenho trauma até hoje do “Episódio da Poça”... era macabro, sinistro! Talvez se eu assistisse hoje nem achasse isso (não sei, não assisti depois da infância), mas de qualquer forma, criança é criança, né! Se não me engano a Poça era uma espécie de portal e tinha caído uma bola lá que estavam brincando. Então, iam de um por um lá na poça, nenhum voltava. Sinistro! Haha!
Imagem: glogster.com
Também tinha a outra personalidade da Vaca, a SUPER VACA! Haha, era demais! Ela perdia seu jeito desastrado e ganhava super poderes! Mas ela nunca sabia que era ela mesma a Super Vaca! Inclusive isso me inspirou, na época, com a criação de uns “personagenzinhos”, o “Super Brunno e seus amigos” hahaha! Bons tempos!!










Rocket Power
NICH: Esse desenho foi o que mais me marcou, passei a minha infância tentando fazer igual a eles com meus amigos. As quedas eram mais reais e dolorosas, mas a diversão com os amigos era sempre garantida!
Imagem: cdn1.theodysseyonline.com
Foi um desenho animado também da Nickelodeon (Sim, eu passei minha infância assistindo a Nick) e já foi exibido na Globo  pelo programa TV Globinho e pelo extinto bloco Festival de Desenhos. Rocket Power estreou em 26 de Agosto de 1999  e sua última temporada foi em 25 de Julho de 2004 e no Brasil foi exibido entre 2000 e 2007.
O Desenho começa no dia em que um garoto novo, chamado Sam Dullard, muda-se para Ocean Shores. A casa onde passa a morar é no mesmo "beco" onde moram três amigos apaixonados por esportes radicais: Otto Rocket, Reggie Rocket e Twister (Cujo nome verdadeiro é Maurice Rodríguez). Reggie, Otto e Twister, após um "empurrãozinho" de Violet Stimplerton, que mora na casa à frente da dos Rocket, vão cumprimentar Sam. A conversa flui e desde então eles se tornam grandes amigos, embora Sam sempre tenha problemas com os esportes radicais e constantemente precise da ajuda de seus amigos para executar uma manobra ou mesmo então quando não consegue se equilibrar sobre o skate.
A turma varia entre andar de Skate, Bicicleta, Patins, Surfar, Jogar Hockey, Esquiar, etc.

BRUNNO: E é isso aí, Infiniteiros! Esperamos que tenham curtido! Como eu comentei no início do post, faremos outro post do gênero, mas com desenhos japoneses (animes) que nos marcaram!
E vocês? Quais os desenhos animados que marcaram suas vidas? Diga aqui nos comentários!!
Abração e até a próxima!

NICH: Como eu disse anteriormente, escolher somete três foi bem difícil, além desses, eu gostava bastante de CatDog, A Vida Moderna de Rocko, O Mundo de Tosh, Ginger, enfim, praticamente todos da Nickelodeon do final dos anos 90 e começo dos anos 2000.
 Até a próxima =P


Compartilhar no Google+
    Deixe seu Comentário
    Comentários Blogger

0 comentarios:

Postar um comentário