Blogroll

Blogger news

Blogger templates

Blogger templates

Tecnologia do Blogger.

Nav2 (Do not Edit Here)

Nav1 (Do not Edit Here)

Slider(Do Not Edit Here!)

REVIEW – DRAGON’S DOGMA: DARK ARISEN (JOGA ZERA)


Autor Parceiro: Luccas Augusto (JOGAZERA)
REVIEW – DRAGON’S DOGMA: DARK ARISEN

VEREDITO

INDISPENSÁVEL PARA OS AMANTES DE ACTION/RPG


Lançado pela Capcom em 2012, Dragon’s Dogma é aquele jogo que tinha tudo para cair no mar da mesmice dos Action/RPG, mas provou ser o contrário. Apesar de alguns problemas que tornam o jogo um pouco difícil de se gostar logo de cara, ele possui um excelente sistema de combate e um ótimo senso de aventura.
Há quem diga que Dragon’s Dogma lembre outros jogos, como Skyrim, Dark Souls, Monster Hunter, e até Shadow of the Colossus. Há uma parcela de verdade nessas comparações, mas Dragon’s Dogma é uma experiência única que oferece ideias novas e um grande senso de aventura. Dragon’s Dogma: Dark Arisen trás o primeiro Dragon’s Dogma com algumas correções no balanceamento das classes, e umas 15 horas de conteúdo novo em Bitterblack Isle. Confira abaixo o review completo do jogo. 

A HISTÓRIA DO CAVALEIRO SEM CORAÇÃO

O jogo começa com a criação do seu personagem. Esse é um dos grandes diferencias do jogo e uma das mais extensas mecânicas de criação de personagem que eu já vi. É possível (e muita gente faz) recriar personagens como Dante, da série Devil May Cry, e Ezio Auditore da Firenze, de Assassin’s Creed. Após a criação do seu personagem, você se depara com o renascimento de um Dragão em sua vila e decide enfrentá-lo com sua espada enferrujada. Obviamente as coisas não dão tão certo e o Dragão rouba seu coração. Um tempo depois você renasce como Arisen, tendo que ir atrás do Dragão para recuperar seu coração de volta.
Após esse início emocionante, você acaba esquecendo da história praticamente até o fim do jogo, tendo que realizar quests apenas por obrigação, semelhante a Dark Souls. Apesar disso, há uma história que é contada para você, e caso você queira explora-la irá se deparar com uma linda fusão de mitologia oriental com ocidental, além de traços de simbolismo frânces e um pouco de filosofia alemã. Mas não é algo que o jogo te dá de mão beijada, é preciso pesquisar e ir além da camada superficial que costuma ser vista por todos.

CONFIRA A REVIEW COMPLETA DE "DRAGON'S DOGMA: DARK ARISEN" 
NO JOGAZERA
É SÓ CLICAR AQUI


Ficha Tecnica

Dragon's Dogma: Dark Arisen
Plataforma: PlayStation 3, Xbox 360
Publisher: Capcom
Developer: Capcom
Data de Lançamento: 23/04/2013

PONTUACAO




                          Autor Parceiro: Luccas Augusto (JOGAZERA)
Compartilhar no Google+
    Deixe seu Comentário
    Comentários Blogger

0 comentarios:

Postar um comentário